Endereço: Copacabana - RJ     |     Tel.: 98749-9652 OU WHATSAPP 99208-2309 | 97494-9786     |     luna@luna.med.br      
DÚVIDAS
O que é Acupuntura?
R: É um dos métodos terapêuticos chineses que compõe a milenar medicina tradicional chinesa e que consiste na inserção de finíssimas agulhas metálicas em pontos cutâneos pré-determinados e específicos com fins de restabelecer a saúde, prevenindo e curando doenças e recuperando sequelas que porventura se apresentem.

E a medicina tradicional chinesa?
R: É o conjunto de 5 métodos terapêuticos milenares, de uso corrente e tradicional pela civilização chinesa, consagrado pelos resultados consistentes que oferece e que se convencionou chamar de MTC ou medicina tradicional chinesa. Consiste em : Acupuntura & Moxabustão; Fitoterapia; Qi Gong; Tui-Ná e Terapias Manuais; Exercícios Terapêuticos.

Que tipos de problemas de saúde a Acupuntura trata?
R: A OMS/WHO em 1979 publicou uma lista de doenças que são tratáveis pela Acupuntura:
• Vias Aéreas Superiores: sinusite aguda, rinite aguda, resfriado comum, amidalite aguda;

• Sistema Respiratório: bronquite aguda, asma brônquica ( muito eficaz em crinaças e pacientes sem outras complicações );

• Perturbações Gastro-Intestinais: espasmo esofagiano e do cárdia, soluços, gastrite aguda e crônica, hiperacidez gástrica, úlcera aguda do duodeno ( sem complicações ), úlcera crônica do duodeno ( alívio da dor ), contispação intestinal, diarréia, colite aguda e crônica, íleo paralítico, disenteria bacilar aguda;

• Perturbações Nervosas e Músculo-Esqueléticas: dor de cabeça, cefaleia, nevralgia do nervo trigêmio, paralisia facial ( fase inicial, nos primeiros 3 a 6 meses ), paresia pós acidente vascular cerebral, neuropatias preriféricas, doença de Meniére, disfunção neurogênica da bexiga, enurese noturna, nevralgia intercostal, síndrome cervico-braquial, artrite do ombro, epicondilite dos jogadores de tênis ( “tennis elbow” ou cotovelo de tenista), sequelas da poliomielite ( nos primeiros 6 meses ), dor ciática, lombalgia, osteoartrite;

• Problemas Estomatológicos: dor de dente, dor dentária pós extração, gengivite, faringite aguda e crônica;

• Perturbações da Vista: conjuntivite aguda, retinite central, miopia infantil, catarata ( sem complicações ).

Em 1997, o NIH emitiu um documento oriundo de sua histórica Conferência para consenso sobre Acupuntura, onde fomos os únicos brasileiros convidados e presentes ao evento, demonstrando científica e consistentemente, a eficácia da Acupuntura em:

• vômitos
• náuseas da quimioterapia e pós-operatórias do adulto
• dor dentária pós-operatória.

Declarou também, esse Consenso, que a Acupuntura poderia ser útil como tratamento coadjuvante ou como uma alternativa aceitável, a ser incluída num programa abrangente de tratamento para outras situações, tais como:

• dependências químicas,
• reabilitação de acidentes vasculares cerebrais,
• dores de cabeça,
• cólicas menstruais,
• “cotovelo de tenista” (“tennis elbow”),
• fibromialgia,
• dor miofascial,
• osteoartrite,
• dor lombar,
• síndrome do túnel carpeano
• e asma (NIH, 1997).

Esse Consenso declarou ainda, que uma das vantagens da Acupuntura é que a incidência de efeitos adversos é substancialmente mais baixa do que aquela de muitas drogas ou outros procedimentos terapêuticos aceitos para as mesmas condições, e que as evidências que apoiam as terapias convencionais medicamentosas para condições músculo-esqueléticas como “cotovelo de tenista” (“tennis elbow”), fibromialgia e dor miofascial, não são melhores do que aquelas para Acupuntura (NIH, 1997).

O meu seguro saúde paga o tratamento?
R: Alguns Planos e Seguros-saúde já reembolsam ou pagam a Acupuntura, porém muitos só aceitam que médicos realizem o procedimento, o que não faz sentido jurídico nem científico-profissional, pois quando o profissional que exerce a Acupuntura é da área de saúde de nível superior ( fisioterapeutas, enfermeiros, psicólogos, etc. ) e seu conselho o reconhece como Especialista em Acupuntura, os Seguros e Planos de saúde deveriam credenciá-lo por isso. Mas na prática isso ainda não acontece, dando margem a médicos assinarem o tratamento enquanto quem realizou mesmo o procedimento foi outro profissional, numa franca exploração antiética do trabalho de outros profissionais.
O outro lado da situação é que os Seguros e Planos de saúde pagam muito mal pelas sessões de Acupuntura ( entre R$ 17,00 e R$ 25,00 ), limitam o número de sessões que o paciente tem direito, quando não glosam injustificadamente as sessões que o Especialista realizou nos credenciados. Isso tudo leva a uma baixíssima qualidade no serviço de Acupuntura oferecido pela maioria dos Acupunturistas credenciados pelo sistema de planos e seguros de saúde, porque os mesmos precisam atender várias pessoas ao mesmo tempo e em pouco tempo, para poderem alcançar uma remuneração digna.
E o resultado disso é a baixa taxa de solução efetiva e eficiente aos problemas de saúde dos pacientes que recorrem a Acupuntura oferecida em Planos e Seguros de saúde, seja ela realizada por médicos ou por outros profissionais da área de saúde também Acupunturistas.

Qual é a formação acadêmica dos Acupunturistas?
R: Infelizmente é muito heterogênea. Esse talvez seja, atualmente, o maior problema da prática da Acupuntura no nosso país. Como não há regulamentação federal para a prática da Acupuntura, até hoje, no Brasil, existem muitos "profissionais" de Acupuntura e Medicina Tradicional Chinesa com muitas deficiências de conhecimento. Hoje há no mercado um grupo ( ou tendência ) que defende a Acupuntura somente para médicos, outro que entende que basta ter o 2º grau e cursar um curso "técnico de Acupuntura" ( não existe a figura do "técnico em Acupuntura" nos EUA, na Europa e nem na China ) e outro grupo que acha que a Acupuntura deveria ser ensinada em uma nova Faculdade específica ( como nos EUA, China, Koreia e Japão ) da área de saúde ( que ainda não há no Brasil ) podendo também ser exercida por todos os profissionais da área de saúde de nível superior que tenham se especializado em cursos de Pós-Graduação em Acupuntura reconhecidos por seus respectivos conselhos profissionais da área de saúde. Esse último grupo ou tendência é o que nós defendemos.

A Acupuntura dói?
R: A sensação que se tem, em geral, é menor do que a de puxar um pêlo do braço. Plenamente suportável, chegando até a ser imperceptível conforme a habilidade do Acupunturista e conforme os lugares a serem puncionados. Às vezes, ela pode ser muito dolorida se o Acupunturista for inexperiente ou inábil. Porém, vale como regra geral que quanto mais indolor melhor é a Acupuntura e o Acupunturista.

O que posso esperar do meu tratamento de Acupuntura?
R: Depende do problema que o levou a um tratamento por Acupuntura. Por exemplo: em caso de dor aguda sem indicação cirúrgica e sem maiores complicações, pode-se esperar um alívio imediato, maior ou menor, que vai durar mais ou menos, conforme a gravidade do problema e da reação individual da pessoa. Pessoas que reagem mal podem não sentir muito alívio em sintomas simples e pessoas que reagem muito bem podem se sentir intensa e inesperadamente aliviadas com uma única sessão de Acupuntura, chegando a obter completa remissão dos seus sintomas com 2 ou 3 sessões.

Como será a minha 1ª consulta de Acupuntura?
R: Em nossa clínica, você será atendido com hora marcada, recebido por uma secretária agradável, e será examinado à maneira chinesa: Perguntas, Observação, Escuta e Cheiro, e Palpação.
Será realizado então um histórico detalhado e sem pressa, sobre o seu problema, a sua vida e sobre a sua pessoa. Sempre privilegiando a sua narrativa. Depois observaremos a sua aparência e a sua língua, segundo a técnica chinesa e escutaremos os ruídos do seu corpo, e investigaremos os cheiros exalados.
Após isso realizaremos o principal exame chinês e talvez o mais polêmico de todos, aos olhos ocidentais: o exame chinês do Pulso radial. Com ele identificaremos os desequilíbrios que o organismo já esteja manifestando mesmo antes da presença de sintomas, o que o torna um instrumento prestimoso na prevenção de doenças e malestares, no tratamento de doenças sub-clínicas, pré-clínicas e nas doenças comuns ou raras.

Como é o tratamento por Acupuntura?
R: Você se deitará de bruços ( decúbito dorsal ), confortavelmente, após o que serão inseridas as finíssimas agulhas metálicas de Acupuntura em pontos superficiais da pele dos seus braços, pernas e abdomem, previamente escolhidos por nós em função da avaliação feita previamente, já descrita acima.

Quanto tempo demora para eu sentir alívio e me curar?
R: Dependerá do tempo transcorrido do seu problema ( se recente ou antigo ) e sua reação individual ( boa, normal ou ruim ). Porém mesmo que você seja um mal respondedor e que a sua doença seja antiga isso não significa uma sentença de não-cura. Apenas nesse caso você demorará mais a ficar curado e a sentir alivio. Como uma medida para parâmetro eu sugiro que todos façam 15 sessões e depois reavaliamos se continuamos ou não.
Em geral, se uma pessoa não obtiver NENHUM alívio em 15 sessões ( na razão de 2 a 3 vezes por semana ) é provável que não o obtenha em mais sessões. Isso, considerando que o Acupunturista é competente e o tratamento está bem conduzido. Então, em casos de ausência de resposta a indicação da Acupuntura pode ter sido equivocada ou há que se reavaliar melhor a indicação da Acupuntura. Geralmente maus respondedores respondem mal a toda e qualquer terapêutica instituída e não somente à Acupuntura . Se esse for o caso é necessário insistir na Acupuntura. Porém , mesmo maus respondedores esboçam alguma reação durante o perído de 15 sessões.

Eu preciso me preparar para receber o tratamento por Acupuntura?
R: Recomenda-se basicamente, que a pessoa a ser tratada não esteja de estômago muito cheio ( para não perturbar a digestão, já que o tratamento mobiliza o organismo inteiro ), nem esteja esgotada ( pois o corpo nesses casos estará se recuperando do esgotamento e não aproveitará em toda a sua plenitude o estímulo terapêutico da Acupuntura ), nem após o ato sexual, nem em caso de agitação psicomotora excessiva e nem alcoolizada.

O que acontece durante a sessão de Acupuntura?
R: O corpo é induzido a se reequilibrar ( ou promover a homeostasia das funções psico-orgânicas ) e muitas vezes o paciente dorme profundamente. Em outras vezes ele relaxa e não dorme e em outras ele sai estimulado. Sempre um bom tratamento por Acupuntura dá ao paciente o que o corpo e a mente dele necessitam na medida certa naquele momento.

Como a Acupuntura funciona?
R: Os mecanismos pelos quais a Acupuntura atua já são, parcialmente, conhecidos. Poderíamos dizer que o modelo teórico que melhor sintetiza esses mecanismos é o eletromagnético-neuro-humoral, ou seja, os pontos de Acupuntura ( acu-pontos chineses) que estão dispostos ao longo de linhas ( canais de energia ou meridianos chineses ) igualmente invisíveis, ao olho humano desaparelhado, seriam estimulados pela agulha, ou por outros estímulos, e influenciariam no potencial elétrico e magnético da pele, trasmitindo-se a distância pelos canais chineses de energia influenciando indiretamente os órgãos e o psquismo, via sistema nervoso central e periférico e sua respectiva neuroquímica.

A Acupuntura é segura?
R: As pesquisas mostram que, em mãos treinadas, ela é segura. Até mais do que os milhares de procedimentos médicos realizados diariamente no mundo todo.

E os Fitoterápicos chineses ?
R: Os fitoterápicos chineses nem sempre tem um padrão de qualidade alto em todo o continente chinês. Devemos dar preferência sempre aos produtos de fábricas chinesas que tenham a certificação ISO e a GMP . Isso demonstra a preocupação da fábrica chinesa com padrões internacionais de qualidade.

Endereço: Copacabana - RJ     |     Tel.: 98749-9652 OU WHATSAPP 99208-2309 | 99208-1910     |     luna@luna.med.br